domingo, 8 de agosto de 2010

INTERPRETAÇÃO

        INTERPRETAÇÃO



 
















Entre a penumbra das palavras
e a luz deusa da sua leitura
minha poesia revela toda uma vida...


Assim, queria ofertar-lhe um poema
No recebimento de seus olhos
Compor -me e Ser.

5 comentários:

  1. Olá minha querida e amada amiga! É um enorme
    prazer poder estar aqui com você, e poder te-la
    também em meu espaço... Amei que você veio,
    assim não me sinto tão perdida por aqui no
    mundo dos blogs aos quais ainda não me adaptei
    muito bém, mas devagar estamos interagindo...
    Seja bem vinda!!! Carinhos a ti... Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Carmem,sensivel e inspirado seu poema tão generoso!Está cada vez mais lindo teu blog!BJS,

    ResponderExcluir
  3. Grata surpresa sua visita ao meu blog, pude então descobrir esta poeta sensível que você é. Seus textos misturam o intimismo com o sonho, a luz com a realidade, vou indicar para meus alunos.Grande é o destino que nos apresenta a um poeta!

    ResponderExcluir
  4. Tens um espaço maravilhoso, já estou acompanhando!
    Parabéns pela linda poesia que escreves.
    beijos, uma feliz semana

    ResponderExcluir
  5. LEITURA...

    Se te compões...
    Ao seres te recebo
    Em minh'Alma
    Que se atira às areias
    Onde passas e acompanha as águas
    Que suspiram por molhar
    Teus pés que são
    O meu desejo...

    Se revelas...
    Toda a tua vida
    Imersa em águas da mais...
    Suave Melodia Poesia
    Em mãos minhas
    Entreabertas
    O abraço
    Meu recebes e, em tuas mãos...
    Um Beijo deixo...

    ***

    Walter de Arruda
    www.recantodasletras.com.br

    ResponderExcluir

Receber um comentário é sempre bem-vindo...Sua participação é importante.