sexta-feira, 12 de julho de 2013

Estética I

Estética I



Advém de Platão...

Uma percepção de certo grau de comunicação

Na beleza absoluta que existe entre mundos,

 Provenientes que são das ideias.



Olhos, coração, e a alma...

São atraídos pela beleza,

E a essência na alma contrapõe-se

Por querer, justo, unir-se a ela.



Mesmo sabendo poder deparar-se

Com o mundo em matéria...

Da recordação de que tudo é absoluto

Conquanto a realidade também é a imitação



O amante em êxtase reconhece o teu brilho.

Reconhece que a verdade só tem contemplação,

Por que toda estética da beleza...

Conduz ao  amor em perfeição.


Carmem Teresa Elias e De Magela





quinta-feira, 11 de julho de 2013

BRILHO

BRILHO



Imagens são breves visões...
Para quem captura tanto sentimento no peito,
E o transforma em palavras  que o mundo fala,
Descreve, entende e guarda.

Por outra estética:
Vejo bem perto o brilho que emana na essência do belo
Na proximidade capaz do recontar consciente,
Na chama certa de cada palavra.

É por isso que amo o mais belo de ti... palavra que alucina.
O mais belo de mim... esse sol longínquo de ondas claras
Que como os teus olhos, com exatidão, se aproxima
E dita a poesia de cada  dia como a mais  rara 

Ninguém me escreve tão bem  quanto a ti!
Ninguém visita meus quilombos reclusos em águas e matas
Ninguém estampa com tantas flores amarelas e vermelhas

A luz, a vida, e a graça que dançam cirandas em Paraty.

Carmem teresa Elias e De Magela