domingo, 24 de abril de 2011

ABRAÇO DE PÁSCOA



Um abraço,

Sincero e pleno,

Não abarca

Apenas

Encontro de braços



Também carrega pulsação

Comunga corações

E doa os corpos

À união de almas



No abraço,

Um ser se prepara

Ao outro...

Um ser ao outro

Renasce...

Como vida que se abraça ao Sopro





Nesse mistério

Em que pulsa

E vibra

O elo da vida,

O abraço

É também Pascoa íntima...

Ninho

Que gera o existir

O tempo, o porvir,

Um instante de ressurreição!



( VEJA POSTAGEM NA CIRANDA ABRAÇO DE PÁSCOA

domingo, 17 de abril de 2011

MÃOS DO MUNDO


Nossas mãos chegam ao mundo

Feitas apenas de areia...

Por linhas e dobras

Poros são esculpidos

Pelas pedras em pó



De mãos dadas

Deitamos na areia da praia

Dois mundos se abraçam

Amor é Pedra lascada

...Pele arranhada!



Na alma somos cristal

Luz enclausurada

Reluzente no olhar da gente



Corpo e alma:

Pedra bruta

No limite humano do mar...

(Punta del Este)
                                                                                  

domingo, 3 de abril de 2011

DESTRANCA

DESTRANCA



Há pedaços do ser
Que jamais ficam destrancados...

Todo pensamento carrega uma clausura

Que nem ao próprio coração desmente



Há tantas razões incontidas...

Que formas diversas de amar

Criam refúgios e encobertas desculpas

Como a beleza ilusória das coisas sob a luz do luar


O lugar do sentimento infundado é o fundo do armário

Face oculta...De lá grita sem que se ouça

A verdade escondida nos rostos



E, quando diante do céu estamos

A alma iluminada do ser desabafa:

Destranca!... E ama com certeza!...

A vida é a tua mais pura estrela !